]

Antecipe foi destaque na revista Veja em matéria relacionada ao vazamento de senhas de e-commerce brasileiro.
As ferramentas de monitoramento da Antecipe detectaram arquivo com lista de usuários e senhas de diversos sites de e-commerce brasileiro que aparentemente teriam sido obtidas através de phishing, devido a variedade de sites e maneira que estavam organizados.

Abaixo trecho da matéria e das considerações que nosso time fez para jornalista responsável pela matéria:

As listas foram divulgadas no site Pastebin, uma ferramenta de armazenamento e compartilhamento de textos, que, de acordo com a Antecipe, é “uma fonte conhecida para publicações anônimas e vazamento de dados”. A autenticidade dos logins e senhas, porém, não foi comprovada. Para isso, seria necessário acessar as contas vazadas, “o que não é correto”, afirma a empresa.

A Antecipe, no entanto, não acredita que as redes de e-commerce tenham sofrido invasão e aposta que a lista, caso seja verídica, tenha como base casos de phishing – quando o próprio cliente cai em um golpe e digita sua senha em um site falso criado pelos hackers.

“Não acreditamos que houve uma invasão aos sites das empresas. O mais provável é que usuários tenham sido enganados por ‘phishings‘ que se faziam passar pelos sites/serviços e, devido à falta de atenção, eles digitaram seus usuários e senhas em sites falsos, permitindo que fossem capturados indevidamente.” De acordo com a empresa, se os sites tivessem sido diretamente hackeados, “as listas teriam milhares de usuários.”

Você pode acessar a matéria completa em : http://veja.abril.com.br/economia/hackers-vazam-supostas-senhas-de-usuarios-de-e-commerce/